Atleta iratiense vai representar o Paraná no Campeonato Brasileiro de Tênis de Mesa - Jornal Iratiin

Recente

Home Top Ad

Post Top Ad

Publicidade Comunitária

sábado, 11 de outubro de 2014

Atleta iratiense vai representar o Paraná no Campeonato Brasileiro de Tênis de Mesa

A mesatenista Isabella Teixeira Pchenenzk conquistou na última semana de setembro uma vaga na Seleção Paranaense de Tênis de Mesa. Com apenas 12 anos, a atleta iratiense irá representar o Paraná no Campeonato Brasileiro de Tênis de Mesa, que acontece na cidade de Joaçaba-SC, entre os dias 29 de outubro e 02 de novembro.

A atleta Isabella Teixeira Pchenenzk (à esquerda)
recebe o prêmio Melhores do Ano da Federação
de Tênis de Mesa do Paraná
 Para conquistar a vaga, a atleta precisava terminar o Campeonato Paranaense de Tênis de Mesa entre as duas primeiras colocadas na classificação geral. Isabella conta que essa foi a primeira vez que disputou a competição e não esperava pela convocação. “Foi a primeira vez que eu disputei um campeonato estadual. Eu não imaginava que iria conquistar essa vaga para a seleção paranaense, porque eu sou um ano mais nova do que as outras meninas da categoria. Pensava que ia ser muito difícil, tanto nos jogos quanto na classificação final”, diz. Isabella joga a categoria mirim, onde concorrem meninas com idade entre 12 e 13 anos.

A jovem mesatenista explica que recebeu o resultado da convocação com alegria e fala da expectativa para o Campeonato Brasileiro. “Eu fiquei muito feliz quando recebi a notícia. Entrei no site da Federação, no dia que estava previsto para divulgarem a relação de convocados, e vi o meu nome. A primeira coisa que eu fiz foi contar para os meus pais e eles começaram a gritar e me dar parabéns. Eu acho que não terei chances nesse Campeonato Brasileiro, as outras meninas são mais fortes. Mas quero jogar e ganhar experiência para os próximos campeonatos”, afirma.

Isabella (à esquerda) durante uma das partidas da fase estadual dos Jogos Escolares do Paraná categoria
B – 12 a 14 anos, onde conquistou a medalha
de ouro nas duplas e bronze no individual
Por outro lado, o técnico da equipe de tênis de mesa de Irati, Ângelo Leandro, conta que o resultado da convocação era esperado e acredita em um bom desempenho da atleta no Brasileiro. “Eu já esperava que ela conquistasse essa vaga, tanto pelo talento quanto pela dedicação que ela demonstra. Nós sempre tivemos muita confiança no tênis de mesa dela. Eu creio que ela terá um bom desempenho nesse campeonato. Tudo o que ela conquistar nos dará orgulho e vai servir como experiência para o próximo ano, onde eu tenho certeza que ela também conquistará essa vaga de novo”, diz.

Ângelo explica que os treinos foram intensificados e o tempo para a preparação é curto. “O treino está mais forte. Como falta pouco tempo para o Brasileiro, procuramos dar bastante atenção para o treino dela, auxiliando no que for preciso. Ela tem uma vantagem, porque treina em um local onde existem atletas de todos os estilos de jogo. Isso ajuda no desenvolvimento do jogo dela”, completa. O secretário de Esporte e Lazer de Irati, Roni Surek, ressalta que a conquista é importante para o esporte iratiense. “Eu vejo com muita alegria essa conquista. Irati sempre foi um celeiro de grandes atletas e, por isso, nós temos que continuar investindo mais ainda”.

Carreira

Isabella iniciou no tênis de mesa em 2012, com 10 anos de idade, por incentivo de um amigo. O técnico Ângelo Leandro acompanha a atleta desde o início de sua carreira e destaca a disciplina da jovem mesatenista. “Eu vi que ela tinha potencial para se tornar uma grande atleta. Ela sempre se mostrou bem dedicada, educada e disciplinada, que é o que um atleta precisa para ter sucesso no esporte”, diz. Ele também conta sobre o incentivo que outros mesatenistas dão a Isabella e destaca o apoio do atleta da seleção brasileira Cazuo Matsumoto. “Todos elogiam o desempenho da Isabella e a apoiam bastante, inclusive um atleta da seleção brasileira [Cazuo Matsumoto] já comentou sobre o bom desenvolvimento dela na mesa e a facilidade que ela tem para jogar, orientando para que investíssemos nela”. Isabella conta que recebe apoio integral dos pais e acha que isso é importante para qualquer atleta. Ela relembra o primeiro campeonato que disputou e explica que não foi fácil. “Meu primeiro campeonato foi em Rio Negro-PR. No primeiro jogo, eu perdi e chorei muito, porque eu podia ter ganhado. Depois, na final, eu joguei contra a mesma menina e ganhei dela, mas foi complicado. Fui campeã e fiquei muito feliz. A partir daí, comecei a me dedicar mais”.
Em dois anos de tênis de mesa, a jovem já coleciona 42 medalhas e uma bolsa do projeto Talento Olímpico do Paraná (TOP) 2016. O técnico Ângelo Leandro explica que o objetivo para o próximo ano é conseguir uma bolsa de valor mais alto. “Ano que vem, o nosso grande objetivo é conquistar uma bolsa da Federação de Tênis de Mesa do Paraná, que tem um valor maior da bolsa que ela recebe atualmente do TOP 2016. E também não descartamos a possibilidade dela concorrer à bolsa da Confederação Brasileira de Tênis de Mesa. Nós estamos trabalhando muito pra isso, para que ela dê continuidade no esporte”, afirma.

Novidades

O secretário municipal de Esporte e Lazer de Irati, Roni Surek, anunciou nesta semana a participação do município, em 2015, no Projeto Segundo Tempo. As modalidades beneficiadas serão o tênis de mesa, vôlei e atletismo. Ele explica como o projeto irá atender o esporte iratiense. “O projeto irá custear o profissional, que será treinado para desenvolver as atividades daquele esporte, e também será fornecido o material para a prática esportiva”, finaliza Roni.

Kyene Becker

Fotos: Divulgação/FTMP




Negocie com nosso comércio local