POLÍTICA - Membros do Observatório Social e vereador discutem - Jornal Iratiin

Recente

Home Top Ad

Post Top Ad

quarta-feira, 18 de outubro de 2017

POLÍTICA - Membros do Observatório Social e vereador discutem


Na noite da última terça-feira (17), uma discordância acabou culminando em bate-boca na sede da Câmara Municipal de Irati - PR. A situação teria se iniciado por conta de um comentário feito na rede social Facebook, por um membro do Observatório Social de Irati (OSI). Na palavra-livre da tribuna, o vereador Roni Surek (PROS) teceu algumas palavras sobre o caso. A situação acabou culminando em uma discussão entre o parlamentar e membros do OSI. Veja a seguir:


A sessão ordinária do dia 17 de outubro de 2017 já havia começado movimentada: alguns cidadãos - estando entre eles membros do Observatório Social de Irati (OSI) - foram à Câmara com nariz de palhaço. Esta atitude foi tomada em alusão à votação referente à Sessão de Julgamento do vereador Wilson Karas (PSD). Karas foi absolvido, não teve seu mandato cassado e o processo foi arquivado. Mas, o Partido Verde (PV) e outras entidades questionaram o fato de ele ter contado com seu próprio voto para que obtivesse este resultado.

Ao subir na tribuna, Roni Surek falou diretamente a um dos membros do OSI, cujo nome citou. "Vou falar até porque o senhor está aqui. Vi uma postagem do senhor essa semana nas redes sociais. Fiquei indignado". Após ditas estas palavras, os presentes no auditório passaram a se manifestar. 

Em seguida, o vereador continuou: "eu não chamo os outros de idiotas 'por tabela'. Quem são os vereadores idiotas?", questionou Surek, acrescentando: "eu gostaria que o senhor permanecesse até o final da sessão, para o senhor falar olhando nos meus olhos e dizer 'vereador Roni, você é idiota'. Porque eu represento 822 eleitores. Dos meus 823 votos, um foi meu. Certo?", indagou Roni. Em seguida, o parlamentar citou que foi feita uma ata notarial da publicação do comentário, e que a mesma será enviada por carta ao Observatório Social a nível nacional e estadual.

Após feito isso, as manifestações no auditório da Casa de Leis levaram o parlamentar que estava na tribuna a entender a necessidade de um pedido de Ordem. "Tem que pedir ordem mesmo", chegou a dizer o vereador Rogério Luis Kuhn (PV). Terminada a sessão, membros do Observatório Social de Irati e o vereador Roni Surek tiveram uma discussão nas dependências do prédio da Câmara Municipal de Irati, na parte de fora do auditório, conforme é mostrado no vídeo do início da matéria.

Post citado pelo vereador:

Vídeo e reportagem: 
Sergio Popo