Irati: Congregação da Paz da Igreja Evangélica Luterana do Brasil completa 60 anos - Jornal Iratiin

Recente

Home Top Ad

Post Top Ad

sábado, 28 de março de 2015

Irati: Congregação da Paz da Igreja Evangélica Luterana do Brasil completa 60 anos

Os descendentes de imigrantes alemães que moravam em Irati em 1950 despertaram o interesse em fundar uma Igreja Luterana. Assim, em 16 de janeiro de 1955 foi dado início às atividades da Congregação Evangélica Luterana da Paz, em um imóvel alugado, localizado na Rua 19 de Dezembro, 300.

@Divulgação
Dois meses depois, foi convocada a primeira assembleia para definição da Diretoria da Congregação, ocorrida no dia 22 de março de 1955. Em 24 de agosto de 1955, a Congregação adquiriu sua sede própria. Inicialmente houve grande dificuldade em adaptar-se à nova sede, pois o espaço era muito pequeno. Além de residência da família pastoral, neste mesmo local eram realizados os cultos e as reuniões.

Em agosto de 1960, custeada pelos próprios membros da Igreja, iniciou-se a construção do templo de madeira que levou dois meses para ser erguido. Entre as primeiras famílias que formaram a Congregação estão: Família Boiko; Famílias Mittelbach, Born, Iurk e Felde; Famílias Rost e Rain; Famílias Axt, Deuner, Breitenbach e Formehl; Família Stelle; Família Rech, entre outras.
Em 1995, iniciou-se a construção do templo atual. Parceria, dedicação, dificuldades, fé, companheirismo, doações, mutirões, entre outros fatores, foram essenciais para a conclusão da obra que foi inaugurada em 14 de dezembro de 1997.

A Igreja hoje
A Congregação da Paz de Irati, da Igreja Evangélica Luterana do Brasil, é formada por 230 pessoas. A paróquia que conta atualmente com 350 fiéis, abriga a Congregação da Paz de Irati, de Fernandes Pinheiro e de Rebouças, e mais cinco pontos de pregação em São Mateus do Sul, Rio Azul, Assentamento Avencal em Fernandes Pinheiro, Guamirim e na Vila São João em Irati.

Além dos cultos, onde toda a comunidade é reunida, também há o grupo de leigos (homens), de servas (mulheres) e de jovens. Esses três grupos se reúnem uma ou duas vezes por mês. “Esses encontros acontecem para discussão de conceitos bíblicos e como uma forma de integração entre esses grupos. Também organizamos grupos de estudos bíblicos que acontecem nas casas, uma vez por mês. Para as crianças há a escola bíblica, onde aprendem sobre a palavra de Deus de uma forma mais apropriada para elas”, explica o pastor da Congregação da Paz de Irati, Wylmar Klippel.

Em comemoração aos 60 anos da Congregação, a Igreja organizou uma palestra com o tema “Família, suas convicções e seu testemunho”, uma cantata sobre a parábola do Filho Pródigo, além do culto especial e do almoço.




Ana Paula Schreider/Hoje Centro Sul