Arboreto do campus Irati é reinaugurado - Jornal Iratiin

Recente

Home Top Ad

Post Top Ad

quinta-feira, 7 de julho de 2016

Arboreto do campus Irati é reinaugurado


O Arboreto do campus de Irati da Unicentro foi reinaugurado como parte da programação de Aniversário da universidade. 26 árvores foram plantadas, representando os 26 anos da nossa instituição. Cada uma das mudas plantadas leva o nome de um servidor que faz parte dessa caminhada.

Para o reitor da Unicentro, Aldo Nelson Bona é importante resgatar a história da universidade, desde os seus primeiros passos. “Celebrar os 26 anos da Unicentro é também trazer para este processo todos os anos anteriores da Fecli [Faculdade de Educação, Ciências e Letras de Irati], portanto, 41 anos de Ensino Superior aqui em Irati e região. E a melhor forma de homenagear a universidade é com o reconhecimento do trabalho daquelas pessoas que no dia a dia fizeram e continuam fazendo acontecer a nossa instituição”, salienta Aldo.

Entre os homenageados estão os ex-diretores do campus, professores e funcionários indicados através de um processo de votação. “Nós da Direção buscamos homenagear esses professores, agentes universitários e ex-diretores do campus, por sua trajetória de vida profissional e a doação que essas pessoas tiveram pela universidade”, conta o vice-diretor do campus Irati, Erivelton Fontana de Laat.

O primeiro plantio foi realizado por familiares da professora Maria Roza Zanon de Almeida, a idealizadora e primeira diretora da Fecli, que deu origem a Unicentro. “Nos orgulha muito essa homenagem porque é merecida. A minha mãe merece muito porque ela foi a idealizadora da Fecli e desse campus, que ela lutou bastante para que fosse realidade no município de Irati”, relata emocionado o filho de Maria Rosa, Luís Fernando Zanon Almeida.

O arboreto foi implantado em 2003, mas logo foi desativado. Agora, o projeto passou por uma reformulação e, nessa fase, será composto por espécies nativas da floresta de araucárias, típica da região. Mas por se tratar de uma coleção viva de plantas para fins didáticos, pode haver a inserção de espécies exóticas.

“A minha foi erva-mate, que demanda poda e depois ela renasce. Mas é o renascer de uma ideia, de uma vida, de um momento, e é o renascer também da Unicentro para cada vez melhor, e eu me senti muito orgulhosa e honrada”, lembra a agente universitária Carmen Pegoraro.

Para a professora Ruth Mara Buffa, do Departamento de Letras, a homenagem veio num momento especial. Neste ano, ela adquiriu os direitos de aposentadoria e está encerrando suas atividades na universidade. “Como não sou de Irati, quando vim para cá fixei minhas raízes aqui. Na Unicentro criei minha família, construí meu patrimônio e minha carreira, foram valores muito importantes para mim. Então essa árvore significa também metaforicamente as minhas raízes aqui na Unicentro”, conclui a professora.

Confira a matéria em vídeo:


Assessoria Unicentro