Política em questão - Jornal Iratiin

Recente

Home Top Ad

Post Top Ad

domingo, 1 de março de 2015

Política em questão

Grandiosidade


Uma comemoração grandiosa marcou o início do funcionamento da nova rodoviária de Irati. Houve fogos de artifício e a presença de autoridades estaduais e federais. Compareceram  para cumprimentar o prefeito Odilon Burgath (PT) pela conquista, a senadora Gleisi Hoffmann (PT) , o deputado federal Aliel Machado (PC do B) e o deputado estadual Marcio Pauliki (PDT). Emocionado, Burgath afirmou que para finalizar as obras foram investidos sonhos e muita perseverança. Para contextualizar, ocorreram inúmeras brigas judiciais e até mesmo agressões verbais contra Burgath e sua família. "Não desistimos e quando chegamos aqui, Deus nos presenteou com um arco-íris e isto significa que estamos fazendo certo", comentou o prefeito. 

Greve dos professores


Antes de participar da entrega das obras da rodoviária de Irati, a senadora Gleisi Hoffmann  (PT)  se reuniu com representantes da APP Sindicato no gabinete do prefeito municipal. A pauta do encontro foi a greve dos servidores públicos da rede estadual de ensino.


Teatro de Irati


Durante a entrega da nova rodoviária de Irati, o deputado estadual Marcio Pauliki (PDT) se comprometeu a buscar verbas junto ao governo estadual para a conclusão das obras do teatro de Irati. O prefeito Odilon Burgath já conseguiu que fosse estabelecida a retomada da construção do Centro da Juventude e estão em andamento as discussões para que as obras do ginásio de esportes também  continuem. Toda a população espera que as obras do teatro também possam prosseguir e sejam finalizadas. 

Estrada Irati - São Mateus do Sul

Os cinquenta quilômetros que separam  Irati e São Mateus do Sul, continuam sendo uma grande barreira entre os municípios devido a precariedade da PR 364. Na quinta-feira (19) da semana passada, um caminhão encalhou e causou a interdição da PR 364. O projeto para que seja feito o asfalto na pista já foi realizado, mas, segundo informações repassadas pelo prefeito de São Mateus do Sul, Clóvis Ledur (PT), as obras não estão previstas no orçamento de 2015. A expectativa de Ledur é que elas tenham início em 2016.

TCE-PR investigará terceirização nos municípios

O Tribunal de Contas do Paraná (TCE-PR) está de olho nos gastos dos municípios com serviços terceirizados. Sobretudo os mais comuns e discutíveis, ou seja, aqueles que podem ser apenas "fachada", como as assessorias jurídicas.  No dia 20 de fevereiro, o TCE-PR aprovou a instauração de um procedimento de Levantamento em relação a gastos com terceirização de serviços jurídicos, de contabilidade e de tecnologia de informação. Tal medida está sendo tomada depois que o TCE-PR verificou que os 399 municípios paranaenses gastaram quase R$ 435 milhões na terceirização desses serviços entre os anos de 2012 e 2013. 

Por Letícia Torres/Hoje Centro Sul