Chuva forte deixa mais de 10 mil consumidores sem energia elétrica em Irati - Jornal Iratiin

Recente

Home Top Ad

Post Top Ad

terça-feira, 3 de fevereiro de 2015

Chuva forte deixa mais de 10 mil consumidores sem energia elétrica em Irati

Chuva forte deixa mais de 10 mil consumidores sem energia elétrica em Irati


Vento forte e granizo causaram queda de vários galhos de árvores sobre a rede elétrica. Novos temporais podem ocorrer nessa terça-feira


A chuva forte acompanhada de rajadas de vento e granizo registrada no fim da noite de segunda-feira, 2, deixou 10.757 unidades consumidoras sem luz em Irati. O temporal que durou cerca de 30 minutos causou apreensão entre os moradores, já que vários galhos de árvores caíram sobre a rede elétrica.

Segundo informações da Copel, toda a região central da cidade foi afetada pela chuva. Os primeiros registros de moradores sem luz aconteceram por volta das 23h15 na rua Trajano Grácia, Avenida Getúlio Vargas, bairro Canisianas, Jardim Califórnia, Alameda Virgílio Moreira, entre outros locais. De acordo com a Copel, a queda no fornecimento de energia ocorreu em função do rompimento de cabos, que foi ocasionado pelo deslocamento de troncos e galhos de árvores sobre a fiação elétrica.

Alguns moradores do bairro Camacuã, do loteamento Fernandes Gomes e da região do Kosinski tiveram a energia elétrica restabelecida somente na manhã desta terça-feira, 3.

Conforme a Copel, a linha que abastece parte dos municípios de Fernandes Pinheiro e Teixeira Soares também foi afetada pela chuva. Com isso, mais 5.048 unidades consumidoras ficaram sem luz.

A equipe do Corpo de Bombeiros de Irati iniciou o trabalho de vistoria na área central da cidade na manhã de hoje, 3. A corporação havia sido acionada por cinco moradores, até a conclusão dessa reportagem. As árvores serão cortadas nas situações que ofereçam risco aos moradores, informa o Corpo de Bombeiros de Irati. Já nos outros casos, a prefeitura será responsável pela limpeza de entulhos e outros materiais que ficaram acumulados nas ruas com as chuvas.


 A temperatura máxima na estação meteorológica de Fernandes Pinheiro, a mais próxima de Irati, na segunda-feira, 2, foi de 28,4 º C, segundo o Simepar. Já a quantidade de chuva registrada no mesmo período foi de 6,4 milímetros.

A massa de ar quente e úmida favorece a incidência de raios, e, em alguns casos, também o registro de rajadas de vento fortes e queda de granizo, diz o meteorologista do Simepar, Reinaldo Olmar Kneib.





Atemperatura máxima prevista para hoje é de 28º C. Desta forma, a possibilidade de ocorrer novos temporais com algumas trovoadas permanece entre a tarde e a noite em Irati e região.

Alguns moradores de Irati registraram fotos do granizo. Em alguns locais, cerca de nove horas após a chuva ainda era possível observar pedras de gelo sobre a vegetação. 



Texto: Rodrigo Zub/Najuá
Fotos: Leticia Torres/ Hoje Centro Sul