Moradores da Vila São João reclamam da falta de atendimento odontológico no bairro - Jornal Iratiin

Recente

Home Top Ad

Post Top Ad

Publicidade Comunitária

sábado, 11 de outubro de 2014

Moradores da Vila São João reclamam da falta de atendimento odontológico no bairro

O coordenador do setor de Odontologia da Secretaria de Saúde de Irati explica que a situação é devido a problemas com a empresa que venceu a licitação para fornecer materiais de limpeza, que não cumpriu o combinado. Nova licitação está em andamento para solucionar o problema

Kyene Becker/Hoje Centro Sul

Os moradores da Vila São João, em Irati, reclamam da falta de atendimento odontológico no posto de saúde do bairro. Eles alegam que as consultas estão sendo remarcadas para daqui a um mês.
A moradora Rosa Deidio Pidpal explica que no dia 26 de setembro foi ao posto de saúde do bairro e conseguiu agendar um horário para o dia 29. Segundo ela, no dia da consulta retornou para casa sem o atendimento. “Nós chegamos lá, estávamos em umas seis pessoas e a dentista falou que não poderia nos atender, pois os materiais de limpeza estavam em falta”, afirma.

Segundo Rosa, a dentista que prestaria o serviço alegou que os materiais para esterilização dos instrumentos estavam em falta. “Ela contou que há meses não recebiam esses materiais e os dentistas do posto estavam emprestando os materiais de limpeza uns dos outros. Mas chegou a um ponto que ninguém mais tem esses materiais. Os dentistas não têm culpa, eles já foram atrás e falaram que não tem verba e nem material”, alega.

A moradora conta que os responsáveis pela unidade de saúde afirmaram que não há previsão para o retorno dos atendimentos.

O coordenador do setor de Odontologia da Secretaria de Saúde de Irati, Guilherme de Almeida, explica que, no momento, a paralisação dos atendimentos odontológicos só atingiu a unidade da Vila São João.

“Até agora nós só temos conhecimento da Vila São João, nenhuma outra unidade foi atingida. Os atendimentos de urgência estão sendo realizados normalmente. Aqueles que necessitarem de consulta sem urgência podem se dirigir a outras unidades”, afirma.

Segundo ele, a situação ocorreu devido a problemas com a empresa que venceu a licitação para fornecimento dos materiais. “Fizemos uma licitação no início de abril e a empresa que ganhou a disputa não cumpriu com o combinado. Eles não entregaram os materiais e, por isso, os postos estão passando por essa situação. Por conta disso, outra licitação foi realizada”, completa.
Ele explica que a Prefeitura Municipal de Irati está tomando as providências para que os atendimentos sejam normalizados o mais breve possível.

“Outra licitação está acontecendo, mas devido à burocracia, temos que esperar. Provavelmente, na metade de outubro já devemos ter o nome do novo fornecedor. Por causa da situação, estamos tentando agilizar o processo e, dentro da lei, dispensar as licitações dos materiais de maior urgência, para que os atendimentos possam retornar”, finaliza.

Kyene Becker


Negocie com nosso comércio local