Assistência Social e Patrulhas Rurais foram discutidas na Amcespar - Jornal Iratiin

Recente

Home Top Ad

Post Top Ad

domingo, 11 de maio de 2014

Assistência Social e Patrulhas Rurais foram discutidas na Amcespar

Os  prefeitos  dos municípios membros da Associação dos Municípios do Centro do Sul do Paraná (Amcespar) reuniram-se na manhã de quarta-feira, dia  30, para uma reunião ordinária que teve como pauta os seguintes temas: Políticas públicas de assistência social; Patrulhas do campo; XVII marcha a Brasília em defesa dos municípios, planos de saneamento e resíduos sólidos.


Augusto Travensolli/Hoje Centro Sul
O encontro, que durou aproximadamente duas horas, contou com a presença de seis prefeitos, dois vice-prefeitos e um secretário municipal que representou o Município de Prudentópolis. Estiveram na reunião, os prefeitos: Odilon Burgath (PT) – Irati; Claudemir dos Santos Herthel (PSDB)– Rebouças; Silvio Paulo Girardi (PSC) – Rio Azul; Ivanor Muller (PSD) – Teixeira Soares; Rogério Almeida (PV) – Mallett e Bertoldo Rover (PSD) – Imbituva. Também os vice-prefeitos: Miguel Pontarollo – Guamiranga e Nelson de Andrade Jr – Inácio Martins. E representando Prudentópolis, o secretário de Agricultura Marcelo Soares Stadler.

De acordo com o presidente da Amcespar, Claudemir Herthel, os temas que foram debatidos  “são de recorrência e importância dentro dos municípios”.

Política Nacional de Assistência social
Representantes do Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) de Mallet abordaram a importância de um sistema de assistência social organizado em cada município da região. Foram apresentados dados e exemplos de como deveriam ser estruturados os CRAS em cada cidade.
Após a explanação, os prefeitos se mostraram receptivos à importância do fortalecimento das políticas públicas para a assistência social e deram exemplos de como funciona cada sistema local.  “A Política Nacional  de Assistência Social é um tema importante para buscar que as pessoas com dificuldade possam ultrapassar esse momento difícil”, defende o presidente da Amcespar.

Patrulhas do Campo
O Governo do Estado do Paraná lançou em 2012 o programa ‘Patrulha do Campo’, que disponibiliza através de consórcios intermunicipais, patrulhas rurais para o trabalho de readequação e melhoria de estradas rurais. Na região Centro Sul a patrulha já percorreu seis municípios. Para a conclusão dos serviços regionais  restam  a serem atendidos Imbituva, Ivai, Ipiranga, Rio Azul, Fernandes Pinheiro e Teixeira Soares. O trabalho é dividido em duas patrulhas e, neste mês de maio, Imbituva e Rio Azul receberão o maquinário para a adequação das estradas locais.
Foi apresentado pelo coordenador estadual da Patrulha do Campo, Jair Vendruscolo, dados sobre o projeto, como por exemplo, o custo total de cada quilômetro pelos municípios do Estado. A média é que com maquinário, pessoal, transporte, alimentação, estadia, dentre outras despesas, o quilômetro custe entre três e  cinco mil reais.  

O presidente da Amcespar considerou que a partir da discussão apresentada, os prefeitos poderão trabalhar melhor com o programa estadual. Ainda há seis municípios que não receberam a patrulha e, a partir dos relatos dos membros da associação, puderam avaliar qual a melhor maneira de trabalhar o projeto em suas cidades.

A principal discussão foi a respeito da falta de cascalho nas cidades. A reclamação dos prefeitos é de que não há um mercado forte do produto na região, o que, em muitas vezes, dificulta a realização dos serviços e obras.

Resíduos sólidos
Ao final do encontro foi abordado o Plano Nacional de Resíduos Sólidos. O presidente da Amcespar, Claudemir Herthel resumiu as discussões. “Nós estamos conseguindo cumprir o calendário e entendemos que antes do prazo, que é agosto de 2014, estaremos com todos os planos dos municípios estabelecidos. E a partir disso estaremos fazendo um plano em bloco da Amcespar, para que possamos definir qual será a destinação dos próximos 5/10/15/20 anos envolvendo os resíduos sólidos e recicláveis  da região”, concluiu Herthel.

Por Augusto Travensolli