Irati alcança média de 6,3 no Índice Nacional de Educação Básica - Jornal Iratiin

Recente

Home Top Ad

Post Top Ad

terça-feira, 13 de setembro de 2016

Irati alcança média de 6,3 no Índice Nacional de Educação Básica


Ações da Secretaria Municipal de Educação em todas as escolas do município refletem diretamente na boa avaliação.

Na última quinta-feira, 08, o Ministério da Educação divulgou os resultados da avaliação do Índice de Desenvolvimento de Educação Básica (IDEB) em todo o país. O município de Irati obteve a nota 6,3, melhorando 0,2 em relação a avaliação anterior. O índice se refere ao desempenho de 2015. O resultado desta avaliação ratifica a boa colocação alcançada em 2013, quando atingiu uma nota superior à meta projetada para 2021.

Na avaliação da secretária municipal de Educação, Cláudia Petchak Zanlorenzi, a conquista de bons índices em medidores como o IDEB é resultado de um trabalho conjunto de toda equipe. Ainda que a avaliação seja feita somente com crianças da 5ª série escolar, o bom rendimento é resultado do trabalho de acompanhamento iniciado nas séries iniciais e educação infantil.

“As crianças que em 2013 apresentavam defasagem de leitura e escrita, são as que em 2015, realizaram a avaliação do IDEB. O trabalho para melhorar o rendimento desses alunos foi realizado no dia-a-dia, avaliando a evolução do aluno e oferecendo o melhor para ele, porque o dever do município é oferecer educação de qualidade para todas as crianças”, relata Cláudia.

A evolução na qualidade da educação municipal ocorreu graças ao planejamento. Em 2013, a Secretaria Municipal de Educação traçou no plano plurianual da administração diversas metas, como: diminuir a defasagem na leitura e escrita do 3° ano de 64,88% para 20%, elevar o Índice de Desenvolvimento da Educação Básica do Município de 5,6 para 6,0, aumentar a oferta de Ensino de Jovens e Adultos, além de diminuir em 50% a demanda de vagas na educação infantil.

Todas essas metas foram cumpridas de modo satisfatório, até o ano de 2015, refletindo diretamente no aumento da nota para 6,3. A defasagem na leitura entre alunos do 3° ano, por exemplo, caiu de 64,88%, em 2013, para 9,31%, dois anos depois.

Uma das ações da Secretaria de Educação que refletiu diretamente no resultado do IDEB foi de potencializar o trabalho nas escolas do entorno do centro da cidade, para que o ensino em todo município pudesse atingir patamares equivalentes. Naquele ano, após a avaliação inicial da Secretaria em onze escolas, foi realizado um trabalho diferenciado, com a introdução do Plano de Intervenção na Alfabetização.

“Depois desse trabalho, podemos destacar duas escolas que foram a Escola Rural Municipal Rosa Zarpelon (Pinho de Baixo) e a Escola Municipal da Lagoa, que exemplificam a evolução da rede municipal no IDEB. As duas escolas saltaram 2 pontos no IDEB de suas últimas avaliações”, diz Cláudia.

Atualmente o PIA é realizado em todas as Escolas Municipais de Irati. Além do PIA, outros trabalhos diários são realizados pela Secretaria de Educação, comunidade escolar, professoras, coordenadoras e diretoras. “Tudo isso só foi possível, graças ao empenho de todos, da SME, dos planos de ação das coordenadoras e diretoras e de todos que ajudam nesse processo. A nossa meta é continuar o nosso trabalho diário, realizando o trabalho conjunto progressivo, para melhorarmos a qualidade de ensino de Irati”, conclui Cláudia.

Diminuir a demanda de vagas na educação infantil

No diagnóstico inicial feito em 2013, a partir das listas de esperas dos Centros Municipais de Educação Infantil era de 876 crianças. Em 2016, após ações de cadastros da Secretaria Municipal de Educação, o número de crianças diminuiu para 200 crianças, ultrapassando a meta prevista de redução de 50%.

EJA

Em 2014, haviam seis escolas atendendo 38 alunos. Em 2015, três escolas atenderam 50 alunos. O Centro Municipal de Educação de Jovens e Adultos iniciou com oito alunos e em 2015 atenderam aproximadamente 33 alunos.

IDEB Irati

A avaliação do IDEB em Irati foi realizada em 14 escolas municipais. As demais instituições, segundo os critérios adotados na pesquisa, não atingiram o número de participantes na Prova Brasil para que os resultados fossem divulgados.

O IDEB é um indicador geral da educação nas redes privada e pública. Para chegar ao índice, o MEC calcula a relação entre rendimento escolar (taxas de aprovação, reprovação e abandono) e desempenho na Prova Brasil aplicada para crianças do 5º e 9º ano do fundamental e do 3º ano do ensino médio. O índice é divulgado a cada dois anos e tem metas projetadas até 2021.

Secom Prefeitura de Irati