Vereadores de Rebouças questionam possível compra irregular de pneus - Jornal Iratiin

Recente

Home Top Ad

Post Top Ad

segunda-feira, 29 de junho de 2015

Vereadores de Rebouças questionam possível compra irregular de pneus


Na terça-feira (23), durante a 18ª sessão da Câmara de Municipal de Rebouças, o vereador Laércio Cipriano solicitou explicações sobre a aquisição de pneus para pás-carregadeiras do município. Segundo informações do vereador, há indícios de irregularidades no contrato firmado com a empresa fornecedora.

Segundo ele, a licitação contemplava 20 pneus novos e 12 recapados, a um custo de R$ 75.000,00. Laércio questiona o pagamento adiantado do contrato e a quantidade de produtos adquiridos. “Temos informações de que a dívida foi empenhada e liquidada nos meses de fevereiro, março e abril. Porém, não se sabe se todos os pneus foram entregues. A entrega deveria ter acontecido no mandato do ex-secretário de obras [Otávio Herthel], que, por sinal, é pai do prefeito do município. Além disso, é um volume muito alto de pneus, já que Rebouças só tem uma carregadeira funcionando”, explica.

Laércio ainda ressalta que a Secretaria de Secretaria de Infraestrutura, Logística e Urbanismo de Rebouças informou que as máquinas do pátio estão com pneus velhos. “Fomos até lá e conversamos com eles. Eles alegaram que as máquinas estavam com pneus velhos e só 4 pneus recapados foram entregues. Na mesma semana em que fomos lá, 10 pneus novos chegaram. Queremos saber para onde foi o restante dos produtos licitados”, diz Laércio.  O vereador se refere aos outros 10 pneus novos e 8 recapados, que constavam na licitação. 

A denúncia foi encaminhada para a Comissão de Constituição, Justiça e Redação da Câmara, que agora deve analisar as acusações e deliberar sobre os próximos passos. O presidente da Câmara de Rebouças, Ricardo Carlos Hirt Junior explica como a denúncia de irregularidade em contrato de fornecimento de pneus deverá tramitar.

 “Se a Comissão achar que a denúncia tem sustentação, irá abrir uma Comissão Especial de Investigação (CEI), que, por sua vez, se comprovar alguma irregularidade, instituirá uma Comissão Processante, trazendo sanções mais severas para todos os envolvidos”, comenta o presidente da Câmara de Rebouças.

Mais explicações
Na sessão da Câmara do dia 2 de junho, os vereadores Laércio Cipriano e Ricardo Carlos Hirt Junior também solicitaram explicações sobre a aquisição de um veículo Kangoo, no valor de R$ 67.500,00, para a Secretaria Municipal de Saúde. Segundo eles, o preço do automóvel estava acima da média do mercado.
Nesta semana, os vereadores receberam a resposta da Prefeitura Municipal de Rebouças, que será lida na próxima sessão da Câmara Municipal de Rebouças, na terça-feira, dia 30 de junho Ocasião em que a população poderá ter acesso às explicações da Prefeitura Municipal sobre o caso.


Kyene Becker/ Hoje Centro Sul