Politica em Questão - Jornal Iratiin

Recente

Home Top Ad

Post Top Ad

quinta-feira, 18 de junho de 2015

Politica em Questão

Politica em Questão 
Por Leticia Torres 

(17/06/2015, edição 786)








Jornada de Agroecologia  tem nova data
A 14ª Jornada de Agroecologia que ocorreria em Irati entre os dias 24 e 27 de junho teve sua data alterada devido a problemas na finalização de licitações pelo INCRA, principal financiador do evento. Aproximadamente 80% dos R$ 1.440.000,00 que serão necessários para a realização da Jornada Agroecologia são provenientes no INCRA. O evento está reprogramado para o mês de julho, entre os dias 22 e 25.

Combate às drogas
Na sessão ordinária da Câmara Municipal de Irati, neste dia 15, um dos temas discutidos foi a prevenção ao uso de drogas, sobretudo pelos adolescentes e jovens. Foi aprovado o Projeto de Lei 08/2015, do vereador Rafael Lucas (PSB), que determina que 10% das propagandas nos ônibus do transporte coletivo de Irati deverão ser destinadas a campanhas contra as drogas. Vários vereadores comentaram a importância da participação da Câmara Municipal no combate ao uso de drogas.

Eleição estadual no PSDB
O deputado Ademar Traiano, presidente da Assembleia Legislativa, foi eleito presidente do PSDB-PR para o biênio 2015/2017. A escolha foi por unanimidade e ocorreu no domingo (14), na sede do diretório estadual do partido, em Curitiba. Ao assumir, Traino disse que pretende dar continuidade ao crescimento do PSDB, fortalecendo a militância. O primeiro vice-presidente é o deputado federal Luiz Carlos Hauly e o segundo vice-presidente Michelle Caputo, Secretário de Saúde. Foi definido como líder da bancada do PSDB na Assembleia Legislativa o deputado Francisco Buhrer. Durante o evento também foram empossados os novos membros dos secretariados regionais do partido, como o PSDB Mulher, Juventude do PSDB e Instituto Teotônio Vilela (ITV).

Energia solar
A bancada do PSC na Assembleia Legislativa do Paraná - da qual faz parte, da nossa região, o deputado Hussein Backri - protocolou na última semana projeto de lei que prevê descontos na conta da energia elétrica ao produtor de energia solar. Através da proposta, o consumidor de energia elétrica que também produz energia solar - seja de forma doméstica ou industrial - pode fornecer o excedente da produção por meio sustentável para a distribuidora de energia elétrica e receber, em troca, mais energia elétrica. A proposta também prevê a criação de incentivos fiscais e tributários pelo Governo do Estado para adoção da energia solar.


Novo impasse no reajuste aos servidores
Na segunda-feira (15), quando a proposta de reajuste salarial para os servidores seria analisada em segundo turno no plenário, a oposição apresentou uma emenda, surgindo um novo impasse. Foi proposto reposição de 8,17%, retroativa a maio e a ser paga na folha deste mês. Com isso, a matéria voltou para análise da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ). A base aliada ao governo acusa os oposicionistas de descumprirem o acordo de aprovar o texto que já está em tramitação.


TCE audita gastos de R$ 2,3 bilhões com terceirização pelos municípios

Os municípios paranaenses gastaram R$ 2.350.785.263 nos anos de 2005 a 2013 com terceirizações realizadas nas áreas jurídica, contábil e de tecnologia da informação. A média anual dessa despesa é de R$ 261.198.362,60. Todos esses contratos estão sendo alvo de uma auditoria realizada pelo Tribunal de Contas do Estado (TCE-PR), que vai aferir a legalidade das contratações, sem deixar de considerar a realidade material dos municípios e o princípio da continuidade do serviço público.